As Cores Do Mal (Golden) - Jennifer Lynn Barnes

Capa do livro
As Cores Do Mal (Golden) - Jennifer Lynn Barnes
Informações sobre o livro
Título Traduzido: As Cores Do Mal (Golden) - Jennifer Lynn Barnes
Título Original: Golden
Ano de Lançamento: 2006
Gênero: Juvenil
Informações sobre o arquivo
Número de páginas: 144
Tamanho máximo: 1.86 mb
Formatos disponíveis: .pdf
Idioma: Português
Compre este Livro no SubmarinoCompre este Livro na Americanas



Download no computador / eBook Reader / Mobile

    1.86 mb

    Sinopse

    A crônica de vida de uma adolescente com pitadas de romance policial e o melhor do universo místico - são estes os ingredientes que prometem agradar o público jovem em As cores do mal, escrito pela norte-americana Jennifer Lynn Barnes quando tinha apenas 19 anos. Na trama, Lissy vê, de repente, todo seu mundo ficando para trás quando seus pais se mudam para Oklahoma. Uma nova cidade, rotina e colégio para essa jovem com o dom de ler a aura das pessoas, cuja cor muda de acordo com a situação. Em meio ao cuidado que precisa tomar para não revelar seu poder na Escola Emory, onde as garotas são Douradas (perfeitas) ou Renegadas (comuns), Lissy descobre que seu gatíssimo professor de matemática carrega o Garn - a falta de cor, reflexo de um ato tão monstruoso que matou sua aura - e, agora, precisa impedi-lo de continuar a fazer o que quer que seja de maligno.

    Lissy deixa para trás a melhor amiga e um namoro que estava mais pra lá do que pra cá... Em resumo, inferno astral adolescente. Lissy é de uma família onde as mulheres são capazes de ler a aura das pessoas. Você mentiu, sua aura passa de rosa para marrom. Fez bobagem? O amarelo fica vermelho. Como se entender a hierarquia entre as Douradas e as Renegadas não fosse complexo o suficiente, está cada vez mais difícil para Lissy esconder seu poder. Se ela não tomar cuidado, se tornará uma Renegada tão depressa quanto alguém pode pronunciar a palavra nerd. Tentando não se queimar com as Douradas Lilah, Tracy e Fúcsia, Lissy descobre, no primeiro dia de aula, que seu professor de Matemática (o gato-mor da escola, o benemérito cidadão exemplar) carrega o Garn - a falta de cor, absolutamente sem vida, o reflexo de algum ato tão monstruoso que matou a aura... E ela precisa impedir que ele continue a fazer o que quer que seja de maligno.

    Ler tudo
    Opiniões sobre o livro

    publicidade

    Compartilhe

    URL curta: