O Anticristo - Friedrich Nietzsche

Capa do livro
O Anticristo - Friedrich Nietzsche
Informações sobre o livro
Título Traduzido: O Anticristo
Título Original: Der Antichrist. Fluch auf das Christentum
Ano de Lançamento: 1888
Gênero: Filosofia
Informações sobre o arquivo
Número de páginas: 60
Tamanho máximo: 2,0 MB
Formatos disponíveis: .Epub .Pdf .Doc .Mobi .Txt
Idioma: Português
Compre este Livro no Submarino


Download no computador / eBook Reader / Mobile

414,1 KB

566,3 KB

566,3 KB

171,0 KB

718,8 KB

2,0 MB

Sinopse

O Anticristo, escrita em 1888 e publicada em 1895, é uma das mais ácidas críticas de Nietzsche ao cristianismo. Vide a frase mais famosa: "O evangelho morreu na cruz". O título original, Der Antichrist, pode significar tanto O Anticristo quanto O Anti-cristão. Ele não se baseou na figura bíblica do Anticristo.
Ao contrário do que se pensa num primeiro momento, Nietzsche não focou sua crítica em Jesus, mas no cristianismo. Ele faz diversas menções bíblicas e históricas evidenciando a deturpação provocada por Paulo de Tarso e, mais tarde, pelo catolicismo. Não obstante, critica também Lutero, sobre o qual afirma ter perdido a grande oportunidade de evitar a decadência alemã.
Sobre o budismo, ele afirma ser a religião do nada, na figura de Buda, o que se abdicou de tudo o que era humano. Contudo, ele predica que o budismo é ruim, mas salienta que o cristianismo é um mal ainda pior, pois tenta elevar os chandala (termo hinduísta para designar a pária, casta inferior).
É notável, entretanto a comparação que faz entre os livros sagrados cristãos, e o Código de Manu, de origem brâmane. Considerando, a segunda, demasiado superior e que: "esta sim pode ser considerada uma filosofia".
Dentre as outras citações que faz em seu livro destacamos, positivamente para Fiódor Dostoiévski e Goethe e depreciativamente para Kant e os já aponta.
Ele afirma em seu prólogo:
"Este livro é para os espíritos livres, pois só estes o compreenderão".

Ler tudo

Prólogo

Ler tudo
Opiniões sobre o livro

publicidade

Compartilhe

URL curta: